«Sabor»

A PALAVRA DO DIA

sa·bor |ô|

substantivo masculino

1. Impressão que deixa na boca o que se mastiga ou se engole; gosto, saibo; paladar.

2. O sentido do paladar.

3. [Figurado]  Carácter, índole, espécie, género, propriedade, qualidade, natureza; tom.

4. Graça, espírito.

5. Teor, forma.

6. Ao sabor de, ao bel-prazer, ao gosto de.

7. Ao seu sabor, ao seu gosto, como lhe apraz.

«Motel»

A PALAVRA DO DIA

mo·tel

(inglês motel)

substantivo masculino

1. Hotel nas imediações dos grandes itinerários rodoviários e especialmente preparado para recolher e guardar as viaturas.

2. Hotel próximo de um itinerário rodoviário que aluga quartos para encontros amorosos ou sexuais.

«Viagem»

A PALAVRA DO DIA

vi·a·gem

(provençal viatge, do latim viaticum, -i, provisões ou dinheiro para a viagem)

substantivo feminino

1. O acto de transportar-se de um ponto a outro distante.

2. [Marinha]  Navegação, travessia.

3. Percurso efectuado.

4. Relação escrita dos acontecimentos ocorridos numa viagem e das impressões que ela causou.

5. [Informal]  Estado alucinatório provocado pelo consumo de certas drogas.

“viagem”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/viagem [consultado em 16-07-2018].

O jardim

As faias que o Jordi plantou. A churrasqueira que o Cotrim fez com a ajuda do Tozé (que já morreu). A araucária que o Sr. Morgado veio cá trazer.

E mais. O ficus que sobrou da primeira remessa da Bia Armas. A escada que o Chico construiu. O cedro que tirámos do jardim lateral ao transformá-lo num pátio para os cães. Os muros que eu próprio refiz, naquele primeiro Verão em que tudo parecia ainda quimera e tolice.

De repente, um tipo olha à volta e estão aqui quinze anos de história própria, fora as dezenas de história familiar e as centenas de história de uma comunidade. Mas o céu é o mesmo. O céu azul dos Açores da minha infância.

O céu azul do meu avô.

Lugar dos Dois Caminhos, Terra Chã, ilha Terceira, Julho de 2018